Cultura

O LANÇAMENTO DO LIVRO “MATEUS ALVARES O REI DA ERICEIRA”

Houve na verdade grandes momentos, neste fim de tarde, o momento musical pelo Prof. Luis Brilhante e após a abertura da sessão pela directora do jornal O Ericeira, Isabel Oliveira, aconteceram momentos, ou lições de história, tanto do orador Dr Francisco Esteves como do convidado Dr Letria presidente da SPA.

Momentos tão importantes que ocupavam toda a atenção dos presentes, e o exemplo disso. é que o nosso colaborador e exímio fotografo, Carlos Sousa, se esquecia de captar as imagens, tal a atenção que estava às estórias da história.  

GRANDE NOVIDADE: PRÉMIO LITERÁRIO DA CMM/SPA

E o momento ainda mais importante, neste evento organizado pelo Jornal O Ericeira – foi lançado o repto, a José Jorge Letria, pelo presidente da CMM, Helder Sousa e Silva para a organização de um prémio mínimo de 5000€ a peças escritas, teatro, poesia ou prosa que mantivessem o tema do mito que fez perdurar o nome do Mateus Alvares morto nas mãos da ocupação espanhola, como salvador da pátria…ou do nome do D.Sebastião, regressando num dia de nevoeiro…  Vão ser dados passos nesse sentido numa intercolaboração da SPA e da CMM.

Salientou José Jorge Letria, que ideias destas resultam sempre de conversas em plena liberdade e tertúlia, com trocas de sugestões e construtivas ideias. Vamos ajudar a ser realidade.

Tudo termina bem, quando começa bem e com gente boa, como foi o caso.

Houve um esquecimento, no discurso de agradecimentos, apesar de estar escrito no livro logo nas primeiras páginas, mas que não queremos que nos apontem a falha. Só foi possível esta edição graças ao apoio da CMM e da Caixa Agricola de Mafra.

A todos os presentes neste lançamento convívio o nosso bem-haja.

Fotos de Carlos Sousa K/Photos