Naufrágio na entrada da Figueira da Foz

NAUFRÁGIO DA EMBARCAÇÃO DE PESCA OLÍVIA RIBAU NA FIGUEIRA DA FOZ

O Centro de Coordenação de Busca e Salvamento Marítimo de Lisboa (MRCC Lisboa), em articulação com o capitão de Porto da Figueira da Foz, a Força Aérea Portuguesa e o INEM – Centro de Orientação de Doentes Urgentes no Mar (CODU-Mar), encontra-se a coordenar uma operação de resgate dos sete tripulantes, da embarcação de pesca OLÍVIA RIBAU que se virou próximo à entrada do porto da Figueira da Foz, no final do dia de ontem.

 

O alerta chegou, ontem, pelas 19h13 através de um sinal de emergência satélite COSPAS-SARSAT, enviado pelo equipamento de bordo, com uma posição ainda indefinida. De seguida foi contactado o Capitão de Porto da Figueira da Foz que confirmou o incidente, informando que a embarcação tinha virado à entrada do Porto da Figueira da Foz. Neste momento foram empenhados os meios de salvamento da Capitania, e a barra fechada, sendo que se confirmou logo de imediato a inacessibilidade das embarcações semirrígidas e mota de água à embarcação que se encontrava nas pedras, em virtude das condições de mar adversas.

 

O MRCC Lisboa ativou o helicóptero EH-101 da Força Aérea Portuguesa que se deslocou para o local, onde iniciou as buscas às 21h00 e empenhou o Navio Patrulha Oceânico Figueira da Foz que se encontrava a 20 milhas da embarcação, tendo chegado ao largo da barra cerca das 20h50. Neste período a mota de água empenhada pelo Capitão de Porto, conseguiu recolher dois tripulantes que se encontravam na balsa salva-vidas da embarcação e pelas 21h30 foi retirado da água um tripulante já sem vida. De referir que estes elementos encontravam-se todos sem colete envergado.

 

O EH-101 terminou as buscas pelas 01h00, regressando ao Montijo de modo a efetuar rendição da tripulação e reabastecimento, estando previsto voltar à área de operações para iniciar buscas aos primeiros alvores. Para as buscas dos 4 pescadores desaparecidos, para além de todos os meios referidos anteriormente, está prevista a chegada ao local de uma equipa de mergulhadores, para efetuar buscas no local dos destroços da embarcação Olívia Ribau.