Cultura

MAGIA : UM OLHAR SOBRE UM TESOURO OCULTO

Uma exposição na Biblioteca do Palácio Nacional de Mafra. Nuno André é o Curador e o Mentor auxiliar é João Alves Dias e ainda um “monte” de grandes colaboradores do Palácio e não só.

Uma exposição igual a outras no mesmo local com livros da Biblioteca e outros elementos dos próprios autores desta exposição. Mereciam uns expositores diferentes. A grande diferença é o Tema e a apresentação. Tanto o Prof. Manuel Gandra, como o Mestre José Medeiros já se debruçaram sobre esta matéria e escreveram livros, e moderaram discussões, e até exposições neste mesmo local.

Ora sendo assim qual a diferença desta Exposição? Na nossa opinião a divisão sectorial da Exposição, todas elas, com sentido, tal como se explica no Catálogo, extremamente bem cuidado, com arranjo gráfico de elogiar e no texto a tal divisão explanatória que envolve toda a exposição e a linha de raciocínio dos autores.

A apresentação foi longa em agradecimentos mas cuidada na linha de “Como por Magia” e o “encanto da ilusão”…esclareceu, mostrou, criou … ou despertou os sentidos para a Magia de ver a exposição… mostrou até sátiros metade homem metade bode, e mostrengos…

A Orquestra dos Jovens de Santo Isidoro mostrou classe, o Mestre de viola em música clássica que abriu o espectáculo… o som e o público que encheu o espaço disponível numa hora não habitual numa noite de frio de Dezembro em Mafra… tudo do Melhor

Os discursos no tamanho q.b.

Parabéns a todos.